A PERDA DA IDENTIDADE EM “A METAMORFOSE” E “O INQUILINO” – Fil Felix

"Certa manhã, ao despertar de sonhos intranquilos, Gregor Samsa encontrou-se em sua cama metamorfoseado num inseto monstruoso". E foi com essa frase, em 1912, que Franz Kafka começou seu trabalho mais icônico: A metamorfose, uma espécie de novela onde um jovem, Gregor Samsa, se vê transformado num inseto da noite pro dia e, mesmo assim, continua a pensar... Continuar Lendo →

Anúncios

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

Crie um novo site no WordPress.com
Comece agora